Main Ad

Chuva com ventania derruba árvores e causa transtornos em Boa Vista

Defesa Municipal atendeu sete ocorrências, principalmente envolvendo queda de árvores — Foto: Caíque Rodrigues/g1 RR


Uma chuva com ventania atingiu Boa Vista, nesta segunda-feira (1º), causou a queda de árvores e transtornos na capital. A chuva iniciou por volta das 15h e durou até às 16h.

Em menos de 1h, o acumulado de chuvas foi de 25 milímetros, conforme a Defesa Civil Municipal. No total, a Defesa Civil atendeu sete ocorrências, principalmente envolvendo queda de árvores.

Na Escola Municipal Aquilino da Mota Duarte, no centro da cidade, o forro chegou a desabar. A área atingida foi a copa e refeitório da escola. As aulas foram suspensas e ninguém se feriu.

Em nota, a prefeitura de Boa Vista informou que a equipe de manutenção esteve no local. "A escola Aquilino está atualmente em um prédio alugado, mas já há uma área destinada para a construção do novo prédio que abrigará a escola", completou.

A ventania também atingiu um hotel, no bairro Treze de Setembro. A estrutura caiu e um jovem morreu. Outras três pessoas ficaram feridas e foram encaminhadas ao Hospital Geral de Roraima (HGR).

Já na Maternidade Maternidade Nossa Senhora de Nazareth, parte do prédio foi tomado pela água da chuva. Conforme a diretora administrativa do local Laís Blanco, as áreas mais afetadas foram uma enfermaria e uma área administrativa.

Em um vídeo que circula nas redes sociais, mães, bebês e acompanhantes passam em um corredor em meio as goteiras do local.

Em outro vídeo, servidores tentam enxugar a água de um dos corredores. Além disso, uma das barracas do estacionamento chegou a voar. Nenhum veículo foi danificado.

A diretora administrativa detalha que ninguém se feriu e nenhum equipamento foi danificado. "A princípio a gente só realocou de uma enfermaria que deu um probleminha para outra. Retiramos a água e já quase todos os problemas estão todos basicamente solucionados", disse.

O governo de Roraima informou que o atendimento na maternidade não foi prejudicado e que as pacientes foram realocadas "de forma segura e sem prejuízo ao tratamento clínico e obstétrico".

Quedas de árvores foram registradas no bairro Santa Tereza e Calungá. Também houve registros próximo ao hotel em que o jovem morreu, no bairro Treze de Setembro.

Em casos de queda de árvores, a prefeitura ressaltou que é preciso entrar em contato com a Central 156. O solicitante precisa informar detalhes como nome da rua e pontos de referência para que as equipes possam ir até o local.

Fonte: G1 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem