Main Ad

Obras da Prefeitura de Boa Vista no João de Barro seguem com serviços de drenagem e urbanização

Pacote de obras está na terceira etapa e loteamento será contemplado com 3.800m de drenagem, 9.600m de pavimentação e 16.700 de urbanização

As melhorias de infraestrutura da Prefeitura de Boa Vista no loteamento João de Barro seguem em frente com o pacote de obras que tem transformado a vida dos moradores. Uma realidade que já é possível ver em 14 ruas, além de um trecho da Av. Jesus de Nazaré, contempladas com drenagem, asfalto. Agora as vias recebem urbanização e sinalização.

Os trabalhos estão na terceira etapa e são fiscalizados pela Secretaria Municipal de Obras (SMO). Todo o loteamento será contemplado com 3.800m de drenagem, 9.600m de pavimentação e 16.700m de urbanização. Além disso, a região foi a primeira da capital a receber iluminação 100% LED.

“Iniciamos os trabalhos no João de Barro em 2022, pela avenida Dom Aparecido. Já no ano passado, iniciamos um pacote de obras onde já conseguimos implementar a rede de drenagem e asfaltar sete ruas dessa área de interesse social. Os trabalhos continuam e além da qualidade de vida, essas obras ajudam a valorizar os imóveis das pessoas que moram na região”, disse o prefeito Arthur Henrique.

A dona de casa Mávia Duarte, 32, mora há sete anos no loteamento e acompanha de perto os trabalhos de drenagem que são executados do outro lado da avenida Jesus de Nazaré. “É muito satisfatório para nós, moradores, ver que o João de Barro está se desenvolvendo. Está chegando a drenagem, logo depois vem o asfalto e tenho certeza que ainda seremos uma área modelo para Boa Vista”, afirmou a moradora.

Quem também está aprovando as melhorias de infraestrutura é a dona de casa Anaíce Gomes, 23, que mora há oito meses no João de Barro. “Para nós, moradores, é um sonho que está se realizando, ver que tudo vai melhorar e graças ao trabalho de toda a equipe da prefeitura”, frisou.

Cadastramento Imobiliário dos moradores do João de Barro

Em 2011, o loteamento João de Barro foi declarado como área de interesse social e conta atualmente com cerca de 4 mil imóveis. Na atual gestão, a prefeitura vem buscando meios de solucionar as principais necessidades da região.

Com a proposta de agilizar o processo de regularização fundiária, que reconhece o direito de posse dos moradores sobre seus lotes, equipes da prefeitura iniciaram em novembro passado o cadastramento imobiliário do loteamento, que permite a geração de Código de Endereçamento Postal (CEP) para as ruas e a atribuição de números oficiais às casas, facilitando a entrega de correspondências e serviços, bem como melhorando a precisão da localização em sistemas de mapeamento.   

Fonte: Prefeitura BV


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem