Main Ad

Passageira morre e motociclista fica ferido após serem atingidos por carro e condutora foge ao sair do HGR

Carro teve a parte frontal destruída pela colisão e motocicleta teve avarias na lateral – Foto: Arquivo


Uma mulher ainda não identificada morreu, e um motociclista ficou ferido após serem atingidos por um carro na Av. Getúlio Vargas, no bairro 5 de Outubro, durante a madrugada desta quinta-feira (22). A condutora do veículo que causou o acidente foi encaminhada ao Hospital Geral de Roraima (HGR) e fugiu após ser liberada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), sem dar entrada na unidade.

Conforme a Polícia Militar (PMRR), a motocicleta trafegava na via sentido Centro quando foi atingida pelo carro, que também seguia no mesmo sentido e avenida.

O homem que conduzia a motocicleta teve ferimentos nos braços e sentia dores cabeça. Por isso, ele precisou ser encaminhado ao HGR. A vítima que estava na garupa morreu no local após algumas tentativas de reanimação.

A condutora do carro sentia muitas dores e também precisou ser conduzida pelo Samu ao HGR. A guarnição da PMRR informou à mulher e à equipe que a atendeu que após os procedimentos no local da ocorrência, iria à unidade para dar prosseguimento às medidas cabíveis e legais.

No entanto, mesmo sabendo que deveria aguardar a polícia no HGR, ela se aproveitou da oportunidade e fugiu. Os agentes então se comunicaram com o policial militar que fica de permanência na unidade, e ele os informou de que ela já havia sido liberada pela médica e ido embora.

Dessa forma, foram feitas diligências na tentativa de localizá-la no endereço informado por ela, assim como ligação telefônica, mas não a encontraram. O Departamento de Trânsito de Roraima (Detran) esteve no local do acidente e realizou os procedimentos administrativos necessários.

A motocicleta teve avarias em toda lateral esquerda e foi removida pelo Detran. O carro teve a parte frontal destruída pela colisão e ficou sob posse de um amigo da condutora. A Perícia da Polícia Civil também compareceu ao local e fez a coleta de dados. O Instituto de Medicina Legal (IML) removeu o corpo da vítima.

Fonte: Roraima em Tempo

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem