Main Ad

FORTALECIMENTO DA AGRICULTURA FAMILIAR - Prefeito Arthur Henrique entrega equipamentos a produtores rurais de Boa Vista

As máquinas são fundamentais para o auxílio das tarefas e garantem o aumento da produção



Para garantir mais produtividade para quem vive no campo, o prefeito de Boa Vista, Arthur Henrique, entregou 12 equipamentos agrícolas para os agricultores indígenas e não indígenas da capital nesta sexta-feira, 3. Os equipamentos foram adquiridos por meio de convênio com o Ministério da Agricultura e Pecuária, com contrapartida do município.

Os equipamentos entregues são duas colheitadeiras Yanmar de 5 linhas, três tratores New Holland T6, três grades aradoras, duas grades niveladoras e duas distribuidores de fertilizantes. Para o prefeito, esses materiais são parte dos investimentos que representam o cuidado que a gestão tem com as famílias do campo.

“O nosso foco maior é o pequeno e médio produtor. Esse trabalho vem sendo ampliado ao longo dos anos. Em 2024, por exemplo, vamos atuar com cinco frentes de trabalho fornecendo maquinário, equipe técnica e insumos em cinco locais diferentes simultaneamente no período de plantio do milho”, destacou Arthur.

Os equipamentos não serão cautelados aos produtores ou cooperativas, pois serão operados pela equipe técnica da Secretaria Municipal de Agricultura e Assuntos Indígenas (SMAAI). A necessidade será atendida mediante solicitação na secretaria.
Outra forma de atendimento é por meio dos mutirões feitos pela SMAAI para preparo do solo, incorporação de calcário ou de plantio.

Segundo o secretário municipal de Agricultura e Assuntos Indígenas, Guilherme Adjuto, o mesmo também vale para a colheita de milho no segundo semestre. “Todos aqueles que aderiram ao PMDA fizeram seu contrato para o plantio do milho nesse período de inverno já estão cadastrados por regiões, como PA Nova Amazônia, Murupu, Truaru, Bom Intento, Passarão e comunidades indígenas. Nossas máquinas vão ser divididas por esses polos. Aqueles cadastrados no programa vão receber o serviço do plantio e colheita”, explicou.

Antônio Lourenço de Souza, representante dos agricultores e produtores de Boa Vista, destacou estar muito feliz com os incentivos da prefeitura. “Nós vamos ter o terceiro ano consecutivo trabalhando com o Plano Municipal de Desenvolvimento do Agronegócio (PMDA). Sem esse incentivo da prefeitura, acredito que a maioria aqui não estaria fazendo o que está fazendo hoje, contribuindo para levar o alimento para a mesa dos moradores de Boa Vista”, contou.


Investimentos na agricultura desde 2021

Na atual gestão, mais de R$ 42 milhões já foram investidos em insumos, vacinas, materiais de construção, kits de irrigação fotovoltaica, caminhões, tratores e implementos agrícolas. Só na área indígenas, foram investidos quase R$ 5 milhões. Na área não indígena foram mais de R$ 37 milhões.

Com o apoio da prefeitura, 1.417 famílias foram beneficiadas (indígenas e não indígenas), sendo 887 agricultores não-indígenas pelo PMDA. Esses investimentos resultaram em 1.733 hectares plantados até 2023, de diversas culturas como milho, feijão, soja, feijão, melão, melancia, limão, maracujá, mamão, batata-doce, mandioca, macaxeira e hortaliças.

Espedito da Silva, produtor rural no PA Nova Amazônia, cresceu vendo o trabalho dos pais na agricultura familiar e seguiu na mesma linha. Hoje é um dos beneficiados pelos investimentos da prefeitura no agro. “Antes a gente fazia tudo na enchada, mas com a chegada da tecnologia e os investimentos da prefeitura tudo mudou para nós, pequenos agriculturas. Temos facilidade para produzir mais e melhor”, disse.

FONTE: PMBV

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem