Main Ad

Ex-senador Telmário Mota é internado em hospital particular



O ex-senador Telmário Mota, suspeito de mandar matar a mãe da própria filha, foi internado em um hospital particular de Boa Vista para um "procedimento cirúrgico de urgência". Ele está preso desde o dia 31 de outubro de 2023. A defesa dele confirmou a informação ao g1 nesta quinta-feira (1º).

Não há informações sobre quando ele foi internado e nem sobre o estado de saúde. Procurada, a Secretaria da Justiça e da Cidadania (Sejuc) disse que ele foi encaminhado à uma unidade de saúde, porém informações sobre o quadro clínico "é de foro particular do próprio paciente e de familiares".

Telmário Mota estava preso no Comando de Policiamento da Capital (CPC). O CPC é um quartel da Polícia Militar onde, geralmente, ficam presos que precisam e cela especial.



Suspeito de ser o mandante do assassinado de Antônia Araújo de Sousa, de 52 anos, mãe da filha do ex-senador, Telmário estava preso desde outubro do ano passado em Goiás e foi transferido para Roraima em dezembro.

Ele se diz inocente e a defesa classificou a prisão como "desproporcional". Além da prisão pela mãe da filha, ele também está preso por suspeita de estuprar a própria filha.

Antônia foi assassinada com um tiro na cabeça no dia 29 de setembro deste ano, quando saía de casa para trabalhar, por volta das 6h30, no bairro Senador Hélio Campos, zona Oeste de Boa Vista, capital de Roraima.

A vítima era uma das principais testemunhas sobre as investigações que envolviam uma acusação de estupro contra o ex-senador, segundo a Justiça. A denúncia foi feita pela filha dele, em 2022. Ela foi assassinada três dias antes de uma audiência sobre o caso.

Fonte: G1 RR

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem