Main Ad

Comitiva de Santa Catarina conhece método de fortalecimento e restruturação do SUS em Boa Vista

Desde o ano passado, a saúde municipal passa por reestruturação e ampliação dos serviços oferecidos à população


Uma das primeiras capitais a implantar a “APS do Futuro”, Boa Vista recebeu nesta quinta-feira, 15, uma comitiva de Brusque, município de Santa Catarina. Os profissionais do Sul do país vieram conhecer o método de fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS) aplicado na cidade por meio do programa “Boa Vista + Saúde”.

Lançado em novembro, o programa qualifica os serviços na Atenção Primária e amplia a cobertura nas 34 Unidades Básica de Saúde (UBSs), com o apoio do Ministério da Saúde (MS). Para o prefeito de Boa Vista, Arthur Henrique, receber uma equipe de uma cidade onde o estado é considerado referência em desenvolvimento tem grande representatividade para Boa Vista.

“Essa troca de experiências é importantíssima. Eu sempre digo que é dessa forma que a gente consegue aprender, crescer e melhorar o nosso atendimento também. Então, receber uma equipe de Brusque é muito relevante, até para demonstrarmos que Boa Vista também é referência para o Brasil, uma vitrine. Eles tanto aprendem conosco quanto a gente aprende bastante com a vinda deles”, disse Arthur.

Após a implantação do programa, Boa Vista saiu de 60 para 141 equipes de Estratégia Saúde da Família e saltou de 9 para 50 Equipes de Saúde Bucal, além de duas equipes de Consultório na Rua para atender a população mais vulnerável. Com a reestruturação, a capital alcançou uma cobertura de 82,2% na Atenção Primária.

O vice-prefeito de Brusque, André Batisti, afirmou que o município catarinense está reestruturando o setor de saúde, buscando alcançar a meta de 29 novas equipes de Estratégia Saúde da Família (ESF). Para ele, Boa Vista tem muito a ensinar quanto a gestão pública.

“Fomos algumas vezes ao Ministério da Saúde e o secretário nacional da Atenção Primária à Saúde, Nésio Fernandes, indicou Boa Vista como referência da maior ampliação do país. É mais prático a gente aprender com quem já fez e deu certo. Boa Vista tem mostrado para a gente o resultado alcançado e vamos aplicar no nosso município”, contou.



Visita à UBS




Após reunião com a equipe técnica da saúde municipal, a comitiva de Brusque visitou a UBS Dr. Rômulo Ferreira da Silva, unidade reconstruída no bairro São Vicente, para entender o fluxo de trabalho na Atenção Primária da cidade. A secretária municipal de saúde, Regiane Matos, destacou que Boa Vista se tornou referência nacional para o processo de ampliação e qualificação dos serviços.

“Saímos de uma condição de diversas crises enfrentadas em Boa Vista para nos tornamos modelo para outras cidades brasileiras, o que demostra o compromisso da gestão do prefeito Arthur Henrique com a saúde do município. Com essa reestruturação, a cidade se tornou referência no país, marca reconhecida pelo Ministério da Saúde”, disse.

Conforme a secretária de Saúde de Brusque, Thayse Rosa, o município sulista vai implantar as mudanças após a visita técnica a Boa Vista, cuja experiência vai auxiliar nessa restruturação.

“Boa Vista é uma referência para a Atenção Primária do Brasil. Quando a gente fala em ampliação e qualificação do serviço. Olhamos para os números da capital, de como eram antes e aonde o município chegou. Realmente, é um desafio para a equipe técnica que reestruturou e reorganizou esse processo de trabalho. O nosso município está passando pela primeira etapa de implantação”, relatou.

Fonte: Prefeitura BV

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem