Main Ad

ALTO ALEGRE - PF investiga prefeitura por suposta fraude em licitação durante a pandemia

As apurações indicam que empresas teriam fraudado a cotação de preços dos itens e o caráter competitivo do processo licitatório, resultando em sobrepreço e superfaturamento do contrato emergencial no valor de R$1.543.500,00 - Foto: Divulgação/PF

Nas primeiras horas da manhã desta terça-feira, 27, a Polícia Federal deflagrou a operação NaCio, cujo alvo é a Prefeitura do Município de Alto Alegre. O objetivo é investigar uma suposta fraude de licitação durante a pandemia de covid-19 em 2020. Onze mandados de busca e apreensão são cumpridos pelas equipes tanto em Alto Alegre quanto em Boa Vista, além da cidade de Manaus (AM).

As apurações indicam que empresas teriam fraudado a cotação de preços dos itens e o caráter competitivo do processo licitatório, resultando em sobrepreço e superfaturamento do contrato emergencial no valor de R$1.543.500,00.

Os investigados já tiveram as contas bloqueadas e estão proibidas de licitar e contratar com o Poder Público. Além disso, eles não podem ocupar cargo público, frequentar a sede da Prefeitura de Alto Alegre e outros órgãos públicos vinculados à gestão municipal. Os suspeitos também não podem exercer atividades nas empresas envolvidas pelo prazo de 180 dias.

Além disso, fica suspenso o exercício das atividades das empresas envolvidas pelo prazo de 180 dias. Os suspeitos poderão responder pelos crimes de fraude ao caráter competitivo da licitação, fraude à licitação, lavagem de capitais e organização criminosa.

Fonte: PF-RR


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem