Main Ad

Tesoureira do PT diz que Israel é assassino e não merece ser Estado

 

Gleide Andrade também é conselheira de Itaipu - Foto: Arquivo Pessoal


As declarações de Gleide Andrade, Secretária Nacional de Planejamento e Finanças do PT e nomeada para o conselho de Itaipu em junho pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, estão dando o que falar nas redes sociais. Ela é mais um nome ligado ao núcleo lulopetista a condenar Israel de forma explícita, particularmente no contexto das ações das forças israelenses em resposta aos ataques do grupo terrorista Hamas na Faixa de Gaza.

Gleide Andrade não apenas rotulou Israel como uma “vergonha para a humanidade”, mas também referiu-se ao Estado como ‘assassino’. Os comentários fazem parte de uma série de postagens em que ela expressa seu desprezo com as ações de Israel na guerra israelo-palestino.

Em uma das postagens, ela comentou sobre um vídeo na faixa da Gaza e descreveu a cena como “intolerância, covardia e execução do povo palestino”.

“Intolerância, covardia e execução do povo palestino. O Estado de Israel é uma vergonha para a humanidade, quem mata criança não merece respeito, não merece ser um Estado”, expressou.

No Conselho de Itaipu, a tesoureira do PT ganha um salário R$ 37 mil, além de outros benefícios.

Fonte: Conexão Política

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem