Main Ad

Bolsonaro é indiciado pela PF por suspeita de fraude em cartão de vacinação da covid-19

 

Investigação segue para PRG, que decidirá se apresenta denúncia ou arquiva o caso (Foto: PR/Presidência da República)

A Polícia Federal (PF) indiciou nesta terça-feira (19) o ex-presidente Jair Bolsonaro, do PL, por suspeita de fraude em cartão de vacinação para covid-19.

Em janeiro, a Controladoria-Geral da União (CGU) entendeu que é falso o registro de imunização contra a doença que consta do cartão de vacinação de Bolsonaro. A investigação originou-se de um pedido à Lei de Acesso à Informação (LAI) formulado no fim de 2022.

Os dados atuais do Ministério da Saúde, que aparecem no cartão de vacinação, apontam que o ex-presidente se vacinou em 19 de julho de 2021 na Unidade Básica de Saúde (UBS) Parque Peruche, na zona norte de São Paulo.

A CGU, no entanto, constatou que Bolsonaro não estava na capital paulista nessa data e que o lote de vacinação que consta no sistema da pasta não estava disponível naquela data na UBS onde teria ocorrido a imunização.

FONTE: Conexão Política


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem